Edição Melhores Destinos Brasileiro

A beleza brasileira surpreende. Nesta edição vamos falar de Maceió.

O nível de dificuldade para chegar neste paraíso é médio. O aeroporto fica a 25 km da orla urbana e por via rodoviária também não é tarefa fácil, mas basta pisar no litoral para ficar estonteado com tanta graça e em um piscar de olhos toda a dificuldade passa para o segundo plano.

Veja mais: documentos para viagens de avião

Veja mais: dicas para viagens de avião

Possui 40 quilômetros de praias. Suas águas transparentes com nuances que vão de verde-clarinho ao azul-turquesa, areias douradas, piscinas naturais e coqueirais garantindo o visual lindo.

www.shutterstock.com

Passeio de jangada

As jangadas partem da Praia Pajuçara em direção às piscinas naturais de água cristalina mais visitadas da cidade. O horário é definido conforme a altura das águas, pois o passeio só é realizado com maré baixa.

Turistando

Jatiúca reúne bares, restaurantes e hotéis. Nem sempre o mar está apropriado para banho, mas vale a pena. Sua boa infraestrutura permite um dia divertidíssimo! Você pode alugar uma bicicleta, passear no calçadão e provar as famosas tapiocas.

quiosque para alimentação

Ainda sobre culinária, não deixei de experimentar um quitute que leve sururu, os frutos do mar (molusco de propriedades afrodisíacas). Se couber, passe para os pratos com sotaques francês e peruanos.

Prédio histórico

Do barroco ao gótico, são os estilos arquitetônicos das igrejas que guardam a rica arte popular do Nordeste. O bairro histórico do Jaraguá, antiga zona boêmia com construções do século 19, seus casarões e armazéns.

As praias mais famosas são: do Gunga, do Francês, Pajuçara, Ponta Verde, Ipioca, Carro Quebrada, do Morro, Maragogi, do Toque e do Patacho.