Edição Melhores Destinos Brasileiros

O Rio de Janeiro é o menor Estado da região Sudeste, mas possui a terceira maior população. Não é à atoa, mesmo que por um dia, todos querem o privilégio de viver na Cidade Maravilhosa.

Nós começamos a edição falando de Arraial do Cabo, mas o Estado tem tantos pontos turísticos que iremos abordar outras perspectivas. Então, vamos lá, pegue o protetor solar e o biquíni, a temperatura vai subir.

No coração da Barra da Tijuca se encontra um dos mais importantes e completos espaços para representações das artes. Tem música, dança, teatro, artes plásticas e outras manifestações artísticas brasileiras cheias de diversidade cultural. O espaço abriga diversos festivais com todos os tipos de estilos musicais, tributos a grandes nomes, como Cartola, até festival de cerveja já passou por lá.

Ipanema

Que tal conhecer o berço do samba? Mas não para por aí, Madureira vai além das escolas de samba, você encontra o Mercadão de Madureira e um dos maiores parques, com cerca de 93 mil m2. Abriga também a Casa do Jongo, o Baile Chame do Viaduto e a Feira das Yabás.

Badalada por natureza, a cidade é sede das duas maiores festas do país. No Réveillon, toneladas de fogos de artifício colorem os céus de Copacabana. A cidade é mais movimentada durante o verão.

Cristo Redentor

Não poderíamos deixar de falar do Cristo Redentor, uma das sete maravilhas do mundo! A estrutura fica no alto do Morro do Corcovado. Outro passeio procurado é o bondinho até o topo do Pão de Açúcar. O Jardim Botânico do Rio de Janeiro é considerado um museu vivo, por conta da botânica abrangente, uma ótima opção para a família.

Por último, mas não menos importante, as belas praias. Em Copacabana, Ipanema e Leblon, o movimento é sempre intenso, mas vale a pena. Saquarema é a capital do surfe nacional. Então se você gosta de esportes radicais, dê uma esticadinha.

Mais do que um cartão-postal, Rio de Janeiro é praticamente um estado de espírito.